Gritem & Compartilhem

dezembro 24, 2007

Na blogagem coletiva de Natal do dia 20, eu escrevi um texto no meu outro blog, Meus Passos, na qual resolvi reescrever aqui no Rumorejo… Pois quero compartilhar não só hoje, mas todos os dias um presente sem igual.

—————

Que coisa mais linda!! Nunca vi algo similar!!
Vou pegar para mim!!
E vai ser MEU!! Só MEU!!

Vou embrulhar como se fosse presente.
Mas tem que ser o melhor papel, a mais linda fita!

Pronto!

Que lindo ficou o meu presente!! E é MEU!!
Agora preciso esconder… Em algum lugar para ninguém ver…
Se virem vão querer pegar… E esse presente é só MEU!

Já é Natal!! UHUUU…
Vou pegar o meu presente e abrir!!
Onde mesmo que eu escondi??
Ué?? Pensei que estivesse por aqui…

ACHEI! Uhuuuuu…
Nossa, que linda embalagem …
Amei essa fita!!
Vou abrir com cuidado…
Agora o papel… Não quero rasgar!
Ninguém pode ver… O presente é MEU!
Agora abro a caixa!

E…

A Caixa está vazia!!!!

Como assim?? Alguém roubou o MEU presente!!
Ele era MEUUUU!! SÓ MEUUU!!
Perai… Tem uma pedrinha sem graça aqui dentro da caixa… que pedra é essa??
Essa pedra não serve de nada! Não a quero!
Vou jogar fora!

A pedra voou longe pela janela… Caiu numa calçada…
Uma criança ali brincando avistou a pedra cair e no mesmo instante a pedra começou a se iluminar… Uma luz, sem igual!
A criança em seu sentimento mais inocente e puro, saltitante com aquele brilho, começou a gritar para todos ao redor!!

Olhem, Olhem, Que linda Luz!!

E quanto mais pessoas olhavam para direção da criança, que gritava sem parar, mais a luz aumentava!
As pessoas ao redor impactadas se admiravam com o brilho daquela luz. Perceberam que quanto mais gente avistava mais o brilho aumentava. E nessa percepção fez com que todos chamassem uns aos outros para engrandecer o radiar da luz!

Venham ver a luz! Venham para a Luz!

Venham compartilhar dessa mesma Luz!

———

Feliz Natal!

Anúncios

Olhem!

dezembro 18, 2007
Meninos brincam na areia
Brincam de faz de conta
Pés descalços… Pulando como sapos.
É noite. Céu nublado.

Meninos brincam na areia
Brincam de roda
Mãos dadas… Como corrente.
É noite. Céu nublado.

Meninos brincam na areia
Fazem desenhos
Sonham… E desenham.
É noite. Céu abrindo.

Meninos param de brincar
Cansados, se sentam na areia
Gargalham, olham-se, ofegantes.
É noite. Céu estrelado.

Meninos sentados
Admirando o céu estrelado
Um aponta indicando uma estrela e diz…
É noite e é Natal!

(por mim)

Em qualquer lugar do mundo, pode-ser ver uma estrela… A que mais brilha, a que mais pisca! Olhamos atentamente, em busca de alguma mensagem… E a mensagem é só uma.

Amor!

Plante uma muda de amor!
Dia 20/12, Blogagem Coletiva de Natal da Blogosfera Cristã.


Leiam também Meus Passos… Gritem! Vamos compartilhar da mesma Luz!


Férias de Natal…

dezembro 13, 2007

Meus queridos…

Sumi.
Quase desapareci.
Mas ainda estou aqui!!

Natal está chegando… Estou indo ao meu Brasil passar minhas férias de fim de ano no aconchego da minha família!!

Eu recebi vários e-mails o que me deixou muito feliz de saber que o tempo que me dediquei rumorejando… Fez diferença. Não parei de Rumorejar… Mesmo q pareça…

A pausa só está grande demais! Mas voltarei brevemente! Aguardem-me!!

E como sei que a maioria das pessoas que costumam vir aqui adoram aderir uma blogagem coletiva… Tem uma que está sendo lançada pela Blogosfera Cristã, na qual eu faço parte. A blogagem coletiva é para o Natal e aqueles que tiverem interesse em participar… Entrem no Blog da Blogosfera Cristã e veja como participar. Será no dia 20 de dezembro e será bacana ver a participação dos meus amigos aqui!

Estou colocando uma foto que tirei recentemente numa viagem que fiz com a minha sogrinha recentemente… Ela está nos visitando e já está dois meses conosco e adorando conhecer a India!

Essa foto retrata um cotidiano interessante do povo indiano… E se pararmos para pensar… Não tem nada de diferente da nossa! Showww!!

(clique na imagem para ampliar)


Pílula do dia seguinte na Índia.

setembro 9, 2007

Agora na Índia não precisa mais de prescrição médica para comprar a famosa pílula do dia seguinte. Só vim descobrir isso depois de ter-me deparado com uma propaganda do I-Pills, a pílula contraceptiva emergêncial, nos canais de televisão. Vocês podem ver as duas propagandas, onde eu mostro duas cenas das propagandas nas fotos acima, no próprio site da I-Pill, ou clique (aqui).

Confesso que fiquei espantada quando assisti a propaganda da pílula do dia seguinte, não sei se meu espanto se deve a minha mentalidade por pensar que o correto numa propaganda em rede de televisiva (imaginando que existe um controle do ministério da saúde por trás) é incentivar o uso de camisinha… Talvez não me espantasse se a propaganda fosse sobre o medicamento contraceptivo rotineiro indicando um acompanhamento médico e tal… , mas propagar um método emergencial? Não sei.

Bem, parece que os dados são alarmantes… Há mais de 50 milhões de concepções na Índia, sendo que 30% abortam (ler mais sobre aborto seletivo) e 75 % são concepções não planejadas. Pesquisando na internet encontrei um blog do indiano Kochi, no seu texto: I-Pill: Get Back To Life, onde ele nos fala sobre esses dados mostrando o que levou o governo a incentivar o uso do medicamento.

E me lembrei do texto maravilhoso do nosso amigo Silvano Vilela, no texto Alerta: Pílula do dia seguinte – banalização e incerteza, onde ele nos conta sobre as conseqüências de uso rotineiro da pílula aqui no Brasil e com o cuidado para a não banalização da medicação. Ele nos alerta que não podemos perder o foco da prevenção, que o mais adequado ainda é o uso de camisinha que além de evitar uma gravidez não planejada previne de doenças sexualmente transmissíveis.

Tenho visto exemplos no meu dia-a-dia de mulheres indianas que nem sequer sabem sobre o que é TPM (Tensão Pré-Mestrual), mal conhecem o mecanismo do seu corpo e mostra-nos que o sexo ainda é um tabu… E são essas mulheres que assistem a propaganda da pílula I-Pill e como sua venda agora é livre de prescrição médica não seria arriscado achar que seu uso não será banalizado? Ou até mesmo mal ministrado?

Preciso de mais opiniões… O que vocês pensam sobre isso?
Amigos expatriados de outros países, digam como funciona por ai!


Sobre aprender a falar demais idiomas…

Eu tenho chegado à conclusão de que precisamos sim tentar falar outras línguas, ainda mais quando percebemos o quanto amadurecemos e aprendemos com isso. A comunicação é a forma mais eficaz de aprendizagem! Com a internet e a globalização mais ainda. Um exemplo prático é de que podemos ler demais blogs de outros idiomas conhecendo diferentes pontos de vista e o cotidiano de diversas culturas. Manter a nossa língua mãe é importantíssimo e saber falar bem ela, mais ainda! Mas isso não nos impede de aprendermos outros idiomas até simultaneamente com o português (falta-nos estimulo da pratica e incentivo talvez), ainda mais o espanhol que é tão forte na América do Sul e poderíamos estar interagindo muito mais com os nossos vizinhos. Oportunidades escapam de muitos brasileiros de crescimento profissional justamente por não dominarem demais línguas.

Precisamos pensar mais sobre o assunto e sobre o futuro… O fato de eu ter saído do Brasil pode ter me alertado mais sobre essa necessidade e penso que podemos estar vivendo em um mundinho minúsculo sem perceber o tamanho do mundo enorme que nos espera!


Antes e Depois

setembro 1, 2007

Ainda comemorando o meu primeiro ano na Índia, venho aqui mostrar as fotos da vista das minhas duas janelas. Para vocês notarem a diferença de um ano na minha paisagem… Como estará no ano que vem?

—-
Blogagem Coletiva!!
Meu amigo Raphael, do bog Rapensando, está promovendo uma blogagem coletiva para o dia 7 de setembro! Venham todos participar!! Para maiores informações clique (aqui).

Bem, eu comentei com vocês que estou tendo aulas de inglês, por isso também a minha falta de tempo em blogar, mas queria trocar com vocês algumas opiniões a respeito da nossa abertura em falar outras linguas… Um assunto que tem sido muito abordado com alguns amigos estrangeiros que moraram no Brasil e que sentem dificuldade dos brasileiros em querer aprender ou até mesmo se comunicar em outra lingua, até mesmo a lingua inglesa. O que vocês pensam sobre isso?

Um ano de India

agosto 25, 2007

Como o tempo nos engana, né? Já se passou um ano que estou na Índia e sensação que eu tenho é que esse ano foi mais comprido de todos!

Aquela vida corrida que eu tinha no Brasil, diminuiu bastante… Mas graças a Deus nesse ultimo mês minha vida tem sido mais agitada me sentindo mais adaptada ao país.

Morar num país como a Índia nos faz sentir todas as emoções de uma só vez! Hehehe

Lembro-me dos primeiros dias, as novidades, as curiosidades, o calor horroroso…

Hoje tudo já se tornou normal e minha adaptação foi tamanha que adotei alguns trejeitos do povo incluindo o famoso gingado com a cabeça de lado dizendo que sim…

Antes do Rumorejo eu tinha criado uma página para contar as minhas experiências da India, no Poliane na India, e existe um relato muito engraçado quando completei um mês de India que convido a todos a lerem (aqui).

Minha falta de tempo é um reflexo de que minha vida está voltando ao ritmo que para mim é importantíssimo. Estou muito empolgada com as minhas aulas de inglês e isso me dá segurança e também abre mais as oportunidades de conhecer o que acontece no mundo.

Ser expatriada vai muito além do que eu imaginava. Além de abrir a nossa mente mostrando-nos a existência de outras culturas, outros pensamentos e outras posturas, nos mostra o quando ainda temos que aprender. Muitas vezes seguir uma mesma vida um mesmo ritmo/rotina, nos limita a viver somente aquilo que nos condicionamos e sem não nos damos conta da dimensão da vida.

Aprendi tantas coisas em somente um ano…

Na necessidade de me ocupar descobri que podia escrever além de arquitetar…

Fiz amigos que mesmo nunca ter visto seus rosto ou manias, entrelaçamos afinidades, interagimos tanto que me sinto tão socializada como se estivesse num clube tomando cerveja com meus amigos.

Meu sumiço veio como uma pausa, para uma reflexão da minha vinda pra India…
E voltei para dizer que eu Rumorejo e nunca deixarei de Rumorejar…

E mesmo que eu não esteja aqui um ou dois dias ou até uma semana… o Rumorejo é de vocês!

E obrigada por rumorejarem comigo!


Noticias

agosto 22, 2007

Meus amigos…

Desculpem pelo meu sumiço!!
Não se preocupem eu estou bem, só não tenho tido tempo para escrever mesmo.
Obrigada a todos por não me abandonarem!!
Já estarei voltando a ativa!!

Beijosssssssss
Adoro todos vocês!